quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

[AltoGiro Técnica] Como funciona o DRS ?

Um dos tópicos mais polêmicos da Fórmula 1 nos últimos anos envolveu a criação de um novo sistema aerodinâmico para os carros denominado DRS. Como o DRS se tornou permitido e popular na Fórmula 1 e, agora começa a também equipar os novos superesportivos (veja nosso post sobre a Mclaren P1 na nossa fanpage do Facebook!), está na hora de entender um pouco sobre essa misteriosa sigla tão falada aos domingos de corrida.

 O DRS é um acrônimo para Drag Reduction System, em inglês (Sistema de Redução de Arrasto, em uma tradução livre) e tem como finalidade prática aumentar a velocidade dos carros em retas. Mas como esse sistema efetivamente funciona ? Onde entra nele toda a genialidade dos magos projetistas da Fórmula 1 ?

Para entendermos melhor, precisamos remontar aos antepassados do sistema, o então denominado F-Duct. O F-Duct foi uma solução inovadora (e bem mecânica e rústica) criada pela Mclaren em 2010, para o modelo MP4-25 (mas conceitualizado em 1984 por Jullian Preston-Power, num modelo escala 1/18 da Lotus). O sistema consistia numa tubulação de ar que passava por todo o carro, direcionando o ar para a parte traseira do carro. Então, o ar entrava pela frente do carro e uma tubulação direcionava o ar para o cockpit do piloto, onde havia uma espécie de buraco. Se o buraco não fosse tapado, o ar continuaria indo para o cockpit. Uma vez que esse buraco fosse tapado, criaria uma "emenda" na tubulação, que continuava até a final do carro, levando o ar até a asa traseira. Ok, calma, agora vamos falar um pouco de engenharia e de como toda essa engenhoca dava vantagem aos carros da Mclaren.


quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

[AltoGiro F1] Mclaren homenageia Ayrton Senna!

A Mclaren criou um site para homenagear o nosso tricampeão Ayrton Senna, que ganhou os seus três títulos mundiais pela escuderia de Woking. No site, um grande mapa (do Google Maps, obviamente), mostra homenagens de pessoas de todo o mundo ao ídolo. Você pode deixar a sua, escrevendo uma mensagem e, opcionalmente, adicionando uma foto ou vídeo complementares. Muito emocionante! O endereço para quem quiser conferir é senna.mclaren.com. Nós, já deixamos o nosso recado aqui!

-João

domingo, 17 de fevereiro de 2013

[AltoGiro F1] Novas Regras para 2013


Todo bendito ano a FIA estabelece regras e mais regras novas para a temporada corrente de Fórmula 1. Durante as últimas temporadas, vimos mudanças para todos os lados: nos motores, no formato da classificação, no tamanho do grid, na proibição ou permissão de novos instrumentos tecnológicos. Todas essas mudanças, segundo Bernie Ecclestone (chefe máximo da F1), são sempre pensadas a favor do espetáculo. 

O fato, Mr. Ecclestone, é que nós, que acompanhamos a F1 e somos leais alvos das suas publicidades, gostamos de saber o que está se passando. Durante os últimos anos, vimos muitas vezes mudanças de regras e, principalmente, proibições disso ou aquilo durante a própria temporada. Será que isso realmente é melhor para aqueles que assistem? Será que é melhor para o desenvolvimento dos carros, já que um gênio não pode aparecer com uma solução brilhante que ela logo se torna proibida?

Não podemos responder a essas perguntas com precisão, mas de fato elas ficam no ar. O que podemos dizer, pelo menos, é que para 2013 as mudanças nas regras não foram tão bruscas como nos últimos anos e, talvez, tenhamos alguma linearidade nas mudanças, de forma mais branda e gradual, a favor do esporte e da segurança dos pilotos. Então, falemos um pouco do que veremos de novidade (ou não veremos, mas sabemos que elas estão lá!) para essa temporada.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

[AltoGiro F1] Pilotos e Equipes para 2013 (e a dança dos cockpits)





Começando a nossa série de posts pré-temporada da Fórmula 1, vamos falar um pouco do que mais interessa nas mudanças de uma temporada para outra: pilotos, equipes e a dança dos cockpits. E o que você vê na montagem acima, é a cara da F1 para 2013.

Pela montagem acima, podemos verificar duas coisas de imediato: a primeira delas e mais visível, é que a dança dos cockpits ainda não terminou. Ainda resta uma vaga em aberto, na Force Índia, para o futuro companheiro de Paul di Resta, e falaremos disso adiante. A segunda coisa, mais sutil e pela qual podemos começar nossas observações é que não há 24 fotos na montagem acima e sim 22 (ou 21, desconsiderando o ponto de interrogação).

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

[AltoGiro F1] E começa a temporada 2013


Após as festas, férias viagens e carnaval, o ano começa pra valer. E, felizmente, é geralmente em Fevereiro que podemos voltar a falar de Fórmula 1. As equipes saem de seus esconderijos e começam a mostrar os seus bólidos em que vem trabalhando não só nas férias, mas provavelmente desde meados da temporada passada. Os testes da pré-temporada começam a acontecer e podemos dizer que, oficialmente, está dada a largada para a Temporada 2013 de Fórmula 1.
Como todos os anos, muitas coisas ocorrem para a nova temporada: a dança das cadeiras (ou cockpits, como preferirem), novas regras, novos pneus, novo calendário, novos carros, novas tecnologias, novas esperanças para os brasileiros (assim espero!). E nós, claro, como amantes desse esporte que representa nossa paixão por automobilismo e grande responsável pelas tecnologias que vemos hoje em carros de rua, estamos de olho em tudo. A partir de hoje, faltam exatos 1 mês e 5 dias para a primeira corrida do Calendário (que será dia 17 de março, em Melbourne, Austrália). Como quase 5 semanas são uma eternidade para nós, ansiosos para que os carros entrem nas pistas de vez, e como temos muita coisa nova para falar a respeito dessa nova temporada, dividiremos, nessas 5 semanas, em diversos posts, tudo o que temos de novo pra 2013 e assim, podemos preencher esse tempo até o início da temporada na expectativa, com as informações relevantes para os que acompanham o nosso blog. Espero que nos acompanhem em nossa ansiedade nas próximas semanas!